Atendimento ao Cliente: (21) 2672-7070
Clique abaixo se você for:

Médico Paciente
Empresas e Laboratórios conveniados:
0800 888 7030 Área restrita do laboratório 

Exames

Menu de Exames

O Laboratório Sérgio Franco oferece mais de 3 mil tipos de exames. Consulte abaixo a relação de todos eles:

CODIGO: F11Q22MO

 
NOME: FISH-ATM- Delecao Cromossomo 11 [11p11.1-q11.1/11q22.3]

 
MATERIAL: Aspirado de Medula Ossea

 
RECIPIENTE: Heparina-Nao centrifugar

 
PRAZO: 7 dia(s)

 
COMENTARIO: Nao coletar Domingo e Feriado.*Coletar 1 tubo / seringa de sangue periferico com heparina sodica.*Volume minimo 4 mL.*Nao e necessario jejum.*Enviar e transportar material refrigerado, sem contato direto com gelo.*Enviar junto com a amostra:*Copia do Pedido Medico*REQ02115 - Questionario para Teste FISH (devidamente preenchido e assinado)e Historia clinica do paciente.**Atencao**E imprescindivel o envio dos documentos solicitados para a analise do exame.Hibridacao in situ por Fluorescencia - FISH

 
COLETA: Nao e necessario Preparo.®Nao enviar em contato direto com o Gelo.®Enviar volume minimo de 4 ml. Nunca Centrifugar / Nao Congelar.®Heparina Sodica - tampa verde.®Vide documentacao necessaria.

 
SINONIMO: Delecao do Cromossomo 11, Delecao do 11q22, Atm, Cromossomo 11 Por Fish, Genetica - Del11q22 (atm) - Fish, Del11q22 (atm) - Fish

 

Metodo: Hibridizacao in situ por Fluorescencia - FISH


Foram analisados aproximadamente 200 nucleos em equipamento de fluorescen

cia.

A analise por FISH so identifica anormalidades que estao no interior do

locus especifico da sonda utilizada e pode nao detectar pequenos clones

de populacao de celulas aberrantes dentro dos valores normais de cut-off.

Sendo assim, os resultados de FISH devem ser interpretados no contexto de

toda historia clinica do paciente e, na maioria das vezes, em conjunto com

a analise da metafase cromossomica.

A Tecnica de hibridizacao in situ por fluorescencia - FISH - foi realizada

em material proveniente de sangue periferico e/ou medula ossea utilizando

sondas moleculares especificas, sendo o resultado descrito segundo normas

da ISCN 2016: An International Sytem of Human Cytogenetic Nomenclature,

Shaffer LG, Slovak ML, Campbell LJ (eds); S Karger, Basel, 2016.

Metodologia desenvolvida e validada pelo setor de Pesquisa e

Desenvolvimento do laboratorio, de acordo com a RDC 302 de 13/10/2005,

Art.5.5.5.1.


Medico Responsavel: DRA MONIKA CONCHON - CRM:64334