Atendimento ao Cliente: (21) 2672-7070
Clique abaixo se você for:

Médico Paciente
Empresas e Laboratórios conveniados:
0800 888 7030 Área restrita do laboratório 

Exames

Menu de Exames

O Laboratório Sérgio Franco oferece mais de 3 mil tipos de exames. Consulte abaixo a relação de todos eles:

CODIGO: F11Q22MO

 
NOME: GENETICA - DEL11Q22 (ATM) - FISH

 
MATERIAL: Aspirado de Medula Ossea

 
RECIPIENTE: HEPARINA, SER

 
PRAZO: 15 dia(s)

 
COMENTARIO: CITOGENETICA - RJ

Coletar 1 (um) Tubo Heparinizado ou Seringa Heparinizada / Minimo 4 ml
Manter refrigerado. Sem contato direto com gelo. Nao congelar.

E imprescindivel a Xerox do pedido medico com indicacao clinica e o questiona
rio REQ02115 (SQDASA) devidamente preenchido. Este exame so pode ser colhido
de Segunda a Sexta no horario normal e no Sabado ate as 11 horas.Quando coletado de forma nao adequada e apos 12 horas de coleta, Receber Sob
Restricao. Por se tratar de material nobre o mesmo podera ser aceito pela
area (Citogenetica) mediante o termo de consetimento REQ04361 (SQDASA) devida
mente preenchido. Entretanto, cabera a area (Citogenetica) avaliar condicoes
minimas necessarias ao processamento do exame. Podendo este (exame) ser solicitado quando nao atender requisitos minimos ao processamento.

 
SINONIMO: Delecao do Cromossomo 11, Delecao do 11q22, Atm, Cromossomo 11 Por Fish, Genetica - Del11q22 (atm) - Fish, Del11q22 (atm) - Fish

 

Metodo: Hibridizacao in situ por Fluorescencia - FISH


Foram analisados aproximadamente 200 nucleos em equipamento de fluorescen

cia.

A analise por FISH so identifica anormalidades que estao no interior do

locus especifico da sonda utilizada e pode nao detectar pequenos clones

de populacao de celulas aberrantes dentro dos valores normais de cut-off.

Sendo assim, os resultados de FISH devem ser interpretados no contexto de

toda historia clinica do paciente e, na maioria das vezes, em conjunto com

a analise da metafase cromossomica.

A Tecnica de hibridizacao in situ por fluorescencia - FISH - foi realizada

em material proveniente de sangue periferico e/ou medula ossea utilizando

sondas moleculares especificas, sendo o resultado descrito segundo normas

da ISCN 2016: An International Sytem of Human Cytogenetic Nomenclature,

Shaffer LG, Slovak ML, Campbell LJ (eds); S Karger, Basel, 2016.

Metodologia desenvolvida e validada pelo setor de Pesquisa e

Desenvolvimento do laboratorio, de acordo com a RDC 302 de 13/10/2005,

Art.5.5.5.1.


Medico Responsavel: DRA MONIKA CONCHON - CRM:64334