Atendimento ao Cliente: (21) 2672-7070
Clique abaixo se você for:

Médico Paciente
Empresas e Laboratórios conveniados:
0800 888 7030 Área restrita do laboratório 

Exames

Menu de Exames

O Laboratório Sérgio Franco oferece mais de 3 mil tipos de exames. Consulte abaixo a relação de todos eles:

CODIGO: SURDEZSA

 
NOME: SURDEZ CONGENITA - PAPEL DE FILTRO

 
MATERIAL: Sangue

 
VOLUME: filt
* Quando a unidade de medida não for informada, considerar em mL.

 
RECIPIENTE: PAPEL FILTRO DLE

 
PRAZO: 9 dia(s)

 
COMENTARIO: LE3

Pesquisa da Mutacao 35delG no Gene GJB2 (Conexina 26)

Aguardar de 2 a 3 horas para o material secar.
Nao e necessario enviar refrigerado. Caso o material seja enviado no dia
seguinte, guardar em geladeira.
Preencher o circulo do cartao de forma que o sangue passe para o outro lado
do papel.

Nao existe restricao de idade para a realizacao do exame.

HORARIO DA COLETA AOS SABADOS E VESPERA DE FERIADO:
Coletar o material, no maximo, DUAS HORAS antes do horario de encerramento dacoleta.
Ex.: Se a coleta da unidade encerra as 12h00, a coleta so podera ser realizadaate as 10h00.

Documentacao necessaria para atendimento a recem nato na unidade:
E necessario que o responsavel leve a certidao de nascimento do RN, RG da maeou pai e carteira do convenio da mae.

 
COLETA: - E aconselhavel realizar a coleta a partir de 48 horas do nascimento.®®*Necessario que o responsavel leve a certidao de nascimento do RN, RG da mae ®ou pai e carteira do convenio da mae.*Apos a abertura da ficha de atendimento, nao ingerir qualquer alimento ou bebida (exceto agua) ate o momento da coleta.

 
SINONIMO: Pesquisa da Mutacao 35 Delg No Gene Gjb2 - Conexina 26, Surdez Congenita, Pesquisa da Mutacao 35 de Lg No Gene Gjb2 - Conexina 26, Mutacao da 35delg - Conexina, Mutacao 35 Delg da Conexina, Pesquisa da Mutacao 35delg da Conexina, Conexina 26, Teste do Pezinho, Surdez Congenita - Papel de Filtro, Conexina 26 (surdez Congenita - MutaÇÃo 35delg)

 
Metodo: PCR Alelo-especifico (AS-PCR)


- As mutacoes no gene GJB2 (conexina 26) sao responsaveis por mais da metade

dos casos de surdez genetica nao-sindromica grave a profunda. Portanto, a

ausencia da 35delG torna bastante improvavel a forma mais comum de surdez

gentica. A mutacao 35delG e a mais frequente na populacao de eurodescenden

tes, mas o fato desta mutacao nao ter sido detectada, nao permite, qualquer

conclusao definitiva a respeito da acuidade auditiva do individuo.


Uma avaliacao audiologica completa esta indicada no caso de:

* historia familiar de deficiencia auditiva congenita;

* presenca de indicadores de risco para surdez nao-genetica;

* sinais ou sindromes associadas a deficiencia auditiva condutiva ou neuros

sensorial;

* Exame de Emissoes Otoacusticas Evocadas (EOA) Alterado.

- Para uma boa avaliacao audiologica, e necessario o trabalho em conjunto do

pediatra da crianca, com um otorrinolaringologista e um fonoaudiologo.

Exame realizado em parceria com o Laboratorio DLE.